Notícias

12/05/2020 08:00


ANTES DE PARTIR - por Léo Ribeiro

Você gostaria de saber o dia de sua morte?
       Uma pesquisa elaborada nos EUA apontou que 94% dos entrevistados disseram NÃO. Não gostariam de saber o dia em que vão morrer.
       Toco neste assunto meio macabro porque nesta vida de aposentado me sobra tempo para ver alguns filmes, inclusive da Sessão da Tarde rsrsrsrsr.......
       Pois nesta semana assisti a um filme intitulado ANTES DE PARTIR que foca justamente este tema. Dois homens até então desconhecidos, enfermos de um mesmo quarto de hospital, acabam sabendo que ambos não tem mais do que seis meses de vida devido a um câncer terminal.
       Um destes homens (ator Jack Nicholson) é rico. Viveu para arrecadar patrimônio. O outro (ator Morgan Freeman) é pobre e trabalhou a vida inteira para dar um pouco de conforto para sua família.
       Diante da triste notícia de que não teriam muito a viver, combinaram de fazer tudo que tinham vontade e não o fizeram durante sua existência. Coisas como saltar de para-quedas, dirigir numa pista carros de corrida, safári na África, fazer as pazes com um filho com quem não conversava há anos...
       Em cada lugar que chegavam discutiam sobre o dom da vida, sobre Deus. Sobre reencarnação, ser enterrado ou ser cremado... O mecânico (Morgan Freeman) tinha fé, o milionário (Jack Nicholson) era ateu. Diante das Pirâmides leram duas perguntas que os Deuses Egípcios fazem aos seus mortos ao entrarem num outro plano: - Você encontrou alegria na sua vida? Você proporcionou alegria aos outros?
       Ao cabo de alguns meses e muitas "loucuras" voltaram para o seio de suas famílias que são, de tudo, o mais importante, para morrer em paz. Como último desejo os dois foram cremados, suas cinzas colocadas numa lata de café e enterradas lado a lado no alto das montanhas do Himalaia.
       Não precisam nem ver o filme pois já contei o final.
       Mas porque estou fazendo referência a tudo isto, agora? Simples. Para alimentar um questionamento: Por que vamos esperar saber o dia da nossa morte para visitar um amigo, tomar um mate ao final da tarde, beijar quem se ama, ajudar um desconhecido sem esperar nada em troca, rir até chorar....
       Por que vamos passar nosso tempo tão curto nos estressando por miudezas políticas, discutir, ofender e se intrigar por... largura de bombacha?!
"TEU PRESTÍGIO É PROPORCIONAL A TUA CONDUTA"
Por: Léo Ribeiro
Fonte: Blog do Léo Ribeiro 

22ª SEMANA DA PAZ EM URUGUAIANA
Notícia: SEJA VOLUNTÁRIO DESTE PROJETO 
Mulher Gaúcha, Mulher de Fibra por Léo Ribeiro
Notícia: Quem Foi Zeca Netto? 
Notícia: Única Imagem de Bento Gonçalves Encontrada em Museu 
Notícia: Monumento a Jayme e as Missões 

Jairo Reis Festivais Parabéns pela reflexão, meu fraterno amigo Léo Ribeiro de Souza. Tentando ser uma pessoa melhor, já faz algum tempo, passei a viver cada dia como se fosse o último, aproveitando cada momento, com alegria, bom humor, pensamento positivo e procurando perceber o lado bom das coisas e das pessoas. Seria horrível passar o ultimo dia da minha vida de mau humor, irritado, reclamando, triste, frustrado. Prefiro levar a vida com um sorriso na cara. Abração.
Daniel Barros Eu sou um experimento divino e pelo que sei sou um dos poucos que não vou morrer !!
Luiz Pinduca Comim Bah tchê!!! Como sempre, nos surpreendendo. Muito correto, tua alegria inicia no fazer os outros alegres. Abraço. Planta e colherá!
Sergio Barbosa Muito lindo Léo, esta me parace a essência da própria vida. Ser feliz. Nem tudo são flores mas não podemos deixar de planta-las no decorrer de nossas vidas. De minha parte vou tocando a minha, meio a passo, meio a trote, poucas vezes a galope. O corredor está ficando curto, mas não terminou, e vou vivendo rodeado dos filhos , netos, parentes e amigos como tu. Mas nunca vou deixar de fazer planos para o amanhã. Nunca vou esquecer teu verso, o importante não é o que a gente junta mas sim o que a gente espalha. Baita abraço
Assis Tadeu Barbosa Velho " O que vale na vida não é o ponto de partida e sim a caminhada. Caminhando e semeando, no fim terás o que colher"" O saber a gente aprende com os mestres e com os livros. A sabedoria se aprende é com a vida e com os humildes "
Jefferson Ribeiro Faço minhas tuas belas palavras concordo plenamente com tigo Léo perdemos muito do tempo de nossa curta vida com futilidade e quanto a largura da bombacha devemos usar aquele que nos faz nos sentirmos bem e sempre gaúchos
Ataualpa Domingues Bom dia belo momento de meditação e espiritualidade.
Maria Luiza Benitez Assisti faz tempo e assistiria novamente.
Jadir Oliveira Lindo isso Léo
Maria Lucia Teixeira Viver a vida de forma a ser feliz. ..o resto é o resto rsrsrs...Abraço meu caro amigo
Sonia Dias Bueno NASCER VIVER E MORRER!!! É A ÚNICA COISA QUE SE TEM CERTEZA!!!! VIVAS DE TAL MANEIRA QUE QUANDO MORRERES TODOS CHORAM SÓ VOCÊ SORRI!!!!
Cesar Tomazzini Liscano Na verdade Léo Ribeiro de Souza, respondendo tua pergunta, não gostaria de saber, e procuro estar preparado para qualquer momento, fazendo justamente o que aconselhas: VIVENDO CADA MOMENTO
Antonio Leandro Oliveira Wolski incrivel mas mesmo assim vou assistir o filme e refletir sobre minha vida um pouco mais
Ricardo Tubino A mais pura verdade!! E esse tema daria uma baita letra...
Clara Dos Anjos Adoro este filme, especialmente pela reflexão que ele traz
Paulo Fogaça Assisti a esse filme amigo Leo por duas vezes, recomendo!
Antônio Augusto Pires Excelente reflexão! !! Abraços

EM DESTAQUE

Tenda da Terra

Artesanato Indígena, Artigos Gaúchos, Quadors, Esculturas, Pintura em Tela, Camisetas, livros, Porcelanas, Cestarias e Lembranças da região.

Saiba mais

Clube Gaúcho CG

Famoso clube de Santo Ângelo onde ocorrem diversos tipos de eventos. 

Saiba mais

Mato Queimado

Mais notícias

  • Aguarde, buscando...