Notícias

19/09/2018 16:30


Passeio por Bossoroca Capital das Origens Culturais Gaúchas

Talvez a cidade que mais cultue as origens de nossa cultura, pois não há patrimônio cultural sem a prática, a vivencia, o zelo e a transmissão para as novas gerações. Bossoroca é assim, famosa por seu codinome “Buena Terra Missioneira” e por suas atividades culturais em âmbito internacional envolvendo quase toda a América Latina como o Encontro Sul-Americano de Folclore  ou como se diz a Buena Terra é uma Nação Sem Fronteiras pois nossa cultura não tem limites, cerca ou arramados, estamos sempre crescendo, nos adaptado e somando nossa cultura a tecnologias que nos dão mais conforto e praticidade. Ou o Encontro de Confrarias que mobiliza o Riogrande em sua arte mais original a Pajada e dignifica a terra que gerou os “Os Quatro Troncos Missioneiros”.
Quando conhecemos esta comunidade entendemos o porque do “Buena”  seu nome nasce “História do Nome” de uma das mais lindas lendas do folclore gaúcho e indígena, “Lenda da Bossoroca”.
E possui lugares históricos que quando conhecemos sentimos a energia que da valor a tudo, do pasto que da sabor a carne as pedras que compõem as taipas e construções, tudo é carregado de histórias e valores.
O símbolo humilde de um civismo que em poucos lugares se vê o “Altar da Pátria”  junto a “Praça Central”, na esquina a “Prefeitura Municipal e Câmara de Bossoroca”, no outro lado da praça a “Associação Cultural de Bossoroca ACB” e a “Igreja Sagrado Coração de Jesus” famosa por sua missa crioula. Impossível vir as Missões e perder a oportunidade de conhecer o “Cemitério dos Cativos” um dos atos ilegais mais dignos de um homem, precursor e rebelde de sua época, a “Taipa ou Mangueira” que risca o campo a perder de vista e deu origem a essa nobre peleia. Próximo o antigo “Cemitério da Igrejinha”, tirar um foto junto ao “Trator do Colono” ou "Poço do Mil Metro" conhecer o incrível "Sobrado Bossoroca" e suas paredes verdadeiras muralhas para a guerra, ao lado a "Senzala", que ao contrário do que pensamos era morada de escravos fugitivos, e o "Casa dos Braun Rincão da Timbaúva", era distrito de São Luiz Gonzaga/RS, casa onde nasceu Jayme Caetano Braun, a "Estância Velha", uma das primeiras casas de nobres imigrantes ou Casa de Pedra no Rincão dos Antunes uma casa linda por sua rusticidade como se o mundo, o tempo tivesse parado e ter o prazer de pisar em solo de "Noel Guarany", seu “Memorial” e o "Monumento Noel Guarany" que alterou o relevo e roteiros da Cultura Nativista ou Missioneira que conhecemos. 
Ainda temos: 
Notícia: Passeio por Bossoroca Capital das Origens Culturais Gaúchas 

Site: Cemitério dos Cativos Pajada 
Vídeo Monumento Noel Guarany
Vídeo: Sobrado e Senzala - Distrito do Sobrado Interior Bossoroca 
Vídeo: Cemitério dos Cativos - Bossoroca  
Vídeo: Tropa de Gado 
Vídeo: Quatro Missioneiros
Vídeo: Noel Guarany por Linha Campeira Vídeo: Memorial Noel Guarany
Notícia: Lenda M'Bororé Vídeo: Ode Nosso Pajador 
Notícia: Roteiro Entre Lendas Missioneiras
Notícia: Bossoroca é Referência Cultural nas Missões 
Notícia: Na Buena Terra Missioneira, Bossoroca, no ano de seu Cinquentenário Promove 

EM DESTAQUE

SESC Santo Angelo Publi

Clube Gaúcho CG

Famoso clube de Santo Ângelo onde ocorrem diversos tipos de eventos. 

Saiba mais

Pousada das Missões

Mais notícias

  • Aguarde, buscando...