Notícias

19/09/2018 16:30


Passeio por Bossoroca Capital das Origens Culturais Gaúchas

Talvez a cidade que mais cultue as origens de nossa cultura, pois não há patrimônio cultural sem a prática, a vivencia, o zelo e a transmissão para as novas gerações. Bossoroca é assim, famosa por seu codinome “Buena Terra Missioneira” e por suas atividades culturais em âmbito internacional envolvendo quase toda a América Latina como o Encontro Sul-Americano de Folclore  ou como se diz a Buena Terra é uma Nação Sem Fronteiras pois nossa cultura não tem limites, cerca ou arramados, estamos sempre crescendo, nos adaptado e somando nossa cultura a tecnologias que nos dão mais conforto e praticidade. Ou o Encontro de Confrarias que mobiliza o Riogrande em sua arte mais original a Pajada e dignifica a terra que gerou os “Os Quatro Troncos Missioneiros”.
Quando conhecemos esta comunidade entendemos o porque do “Buena”  seu nome nasce “História do Nome” de uma das mais lindas lendas do folclore gaúcho e indígena, “Lenda da Bossoroca”.
E possui lugares históricos que quando conhecemos sentimos a energia que da valor a tudo, do pasto que da sabor a carne as pedras que compõem as taipas e construções, tudo é carregado de histórias e valores.
O símbolo humilde de um civismo que em poucos lugares se vê o “Altar da Pátria”  junto a “Praça Central”, na esquina a “Prefeitura Municipal e Câmara de Bossoroca”, no outro lado da praça a “Associação Cultural de Bossoroca ACB” e a “Igreja Sagrado Coração de Jesus” famosa por sua missa crioula. Impossível vir as Missões e perder a oportunidade de conhecer o “Cemitério dos Cativos” um dos atos ilegais mais dignos de um homem, precursor e rebelde de sua época, a “Taipa ou Mangueira” que risca o campo a perder de vista e deu origem a essa nobre peleia. Próximo o antigo “Cemitério da Igrejinha”, tirar um foto junto ao “Trator do Colono” ou "Poço do Mil Metro" conhecer o incrível "Sobrado Bossoroca" e suas paredes verdadeiras muralhas para a guerra, ao lado a "Senzala", que ao contrário do que pensamos era morada de escravos fugitivos, e o "Casa dos Braun Rincão da Timbaúva", era distrito de São Luiz Gonzaga/RS, casa onde nasceu Jayme Caetano Braun, a "Estância Velha", uma das primeiras casas de nobres imigrantes ou Casa de Pedra no Rincão dos Antunes uma casa linda por sua rusticidade como se o mundo, o tempo tivesse parado e ter o prazer de pisar em solo de "Noel Guarany", seu “Memorial” e o "Monumento Noel Guarany" que alterou o relevo e roteiros da Cultura Nativista ou Missioneira que conhecemos. 
Ainda temos: 
Notícia: Passeio por Bossoroca Capital das Origens Culturais Gaúchas 

Site: Cemitério dos Cativos Pajada 
Vídeo Monumento Noel Guarany
Vídeo: Sobrado e Senzala - Distrito do Sobrado Interior Bossoroca 
Vídeo: Cemitério dos Cativos - Bossoroca  
Vídeo: Tropa de Gado 
Vídeo: Quatro Missioneiros
Vídeo: Noel Guarany por Linha Campeira Vídeo: Memorial Noel Guarany
Notícia: Lenda M'Bororé Vídeo: Ode Nosso Pajador 
Notícia: Roteiro Entre Lendas Missioneiras
Notícia: Bossoroca é Referência Cultural nas Missões 
Notícia: Na Buena Terra Missioneira, Bossoroca, no ano de seu Cinquentenário Promove 

EM DESTAQUE

Churrascaria do Chico

Fazendo vontades com sabor, qualidade e economia.

Saiba mais

Clube Gaúcho CG

Famoso clube de Santo Ângelo onde ocorrem diversos tipos de eventos. 

Saiba mais

Pousada das Missões

Mais notícias

  • Aguarde, buscando...