Detalhes do Site

Capela do Santuário de São João de Castilhos



    O Santuário de Assunção é o local de martírio do Santo João de Castilhos. 
    Por ordem do cacique Nheçu em 17 de novembro de 1628, foi martirizado o mesmo destino que tiveram os padres Roque Gonzalez de Santa Cruz e Afonso Rodrigues e o cacique Adauto junto onde é hoje o Santuário de Caaró. No local onde é Capela do Santuário de João de Castilhos o Missionário Padre João de Castilhos foi preso e amarrado a cavalos que o arrastaram por um trajeto de 4 quatro quilômetros até onde é hoje a Cruz do Martírio, neste local foi torturado, alvo de flechas e queimado. Por este motivo sua imagem vem sempre representada tendo nas mão ou pulsos uma corda e flechas. No interior desta capela se encontra uma escultura em madeira maciça do mártir missioneiro João de Castilhos, uma verdadeira obra de arte.
    Hoje este local sagrado por registrar este ato histórico que influenciou a cultura gaúcha, dividindo por sua brutalidade  a vinda da Companhia de Jesus em primeiro e segundo período Jesuítico é visitado por turistas, excursões e romeiros religiosos.
    Muitas graças e relatos de promessas são ouvidos neste local abençoado pela natureza, mas como o Padre João de Castilhos era um dos poucos advogados e o lugar é estruturado para reflexão muitos estudantes veem  para meditar e estudar, fazendo promessas e pedidos referentes as provas e estudos.
    Todo o 4º domingo de Quaresma é efetuada a Romaria do Santuário de João de Castilhos onde percorremos da Fonte Jesuíta, iniciando pela Fonte Jesuíta, passando pela Via Sacra das Cruzes Missioneiras e peregrinos vão até a cruz do Martírio onde o Padre João de Castilhos foi morto e queimado.
    Todos o 4º domingo de cada mês é executada uma missa no santuário as 10 hs.
    Mais imagens do Santuário de Assunção.
    Santo Padre João de Castilho, 
    João de Castilho (ou Juan de Castillo) foi um sacerdote jesuíta e missionário, e um mártir da Igreja Católica.
    Nasceu em 14 de setembro de 1595, em Belmonte, Espanha, no seio de uma família nobre. Recebeu a educação no colégio jesuíta e depois na Universidade de Alcalá, onde cursou Direito. O seu ingresso na Companhia de Jesus ocorreu em 1614. Entrando em contato com o padre João Viana, e ofereceu-se como missionário para ir evangelizar a América.
    Viajou em 1616 com outros 37 companheiros para Buenos Aires, continuando os seus estudos na Argentina e depois no Chile. Foi ordenado em 1625. O seu trabalho de catequese dos índios começou na redução de São Nicolau, tornando-se conhecido pela sua vida de austeridades e por sua simpatia para com todos.
    O seu processo de beatificação foi concluído em 1934, e foi canonizado pelo papa João Paulo II em 1988, junto com os outros mártires, mas não o cacique Adauto. O seu santuário localiza-se na cidade de Caibaté, no Rio Grande do Sul.

  • Sobre

  • O povo que conta suas lendas trabalha sua história, autoestima e educação. Trata-se de uma profunda e urgente necessidade de cada município em descrever suas lendas-urbanas. As lendas são assim um depoimento que o povo faz sobre si e para si mesmo. Envie-nos suas histórias atendimento@portaldasmissoes.com.br
    O Portal das Missões é um guia onde você encontra hotel, restaurante, os atrativos, onde ir e o que fazer na Região das Missões, informações sobre os sete povos das missões, reduções jesuítas, nosso povo, histórias e cultura missioneira.

Informações

Capela do Santuário de São João de Castilhos
Roque Gonzales, RS
Santuário de Assunção.
Telefone: (55) 9978-4612
Telefone2: (55) 8116-4448
Telefone3: (55) 9963-7582

Formulário para contato